Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal na liga áfrica.jpg

PORTUGAL NA LIGA ÁFRICA:
Portugal parece estar de saída, embora, por enquanto, não haja confirmação oficial de tal moto próprio. Ao contrário do que se possa pensar, será uma decisão espontânea que não tem nada a ver com pressões políticas vindas  das couvinhas de Bruxelas.
Depois da última visita do primeiro ministro à Alemanha para explicar as razões dos sucessivos chumbos do Tribunal Constitucional a várias medidas e normas do Orçamento do Estado, aprovadas pela maioria e não obstante a compreensão manifestada pela senhora Merkel pelos problemas do nosso país, estará para breve - pensa-se - a saída de Portugal da Zona Euro e das respectivas ligas e taças europeias, transitando para a Zona África e, por inerência, para a liga África como membro de pleno direito. Porém, longe de ser um constrangimento, como atrás referi, poderá ser uma opção inédita de soberania de um estado membro. Pensa-se, até, que a decisão de Portugal, poderá servir de mote a saídas discretas de outros países, tais como a Espanha e a Grécia, pela porta do cavalo.
«Há muito que devia estar lá, pois estando ainda a mil anos-luz dos nossos padrões de vida elevados, tem qualidades suficientes para poder pertencer, com orgulho, à liga África.» - teria afirmado um deputado do Parlamento Europeu, um nórdico imberbe cheio de pústulas na cara e um queixinhas compulsivo.
 
PORTUGAL E AS SANÇÕES À RÚSSIA:
Nos corredores diplomáticos comenta-se muito a dureza das sanções impostas pelo governo português à Rússia.
Uma fonte próxima do Kremlin Palace Hotel chegou a afirmar: «Com as outras era canja, mas com estas não sei se nos iremos aguentar durante muito tempo só com caldinhos de arroz ...»
De entre os que defendem enérgica e patrioticamente estes actos executórios, conta-se a presença do conhecido compositor e maestro António Vitorino de Almeida que tem tocado ininterruptamente uma marcha fúnebre, ao piano, em frente à embaixada da Rússia, vai para três meses e um dia e já só toca com os dedos dos pés por via de uma tendinite aguda nos membros superiores. Como consequência já se contam 12 neuroses depressivas, 6 tentativas de suicídio, cinco das quais com resultados de sucesso e um traumatismo ucraniano.
No entanto, o governo não cede um palmo e ameaça intensificar as acções sancionatórias, passando a realizar o concurso "O preço certo", todos os dias, mesmo à porta da embaixada.
Vladimir Putin já tinha telefonado ao seu homólogo português na tentativa de o convencer a dissuadir o primeiro ministro de não avançar com mais medidas. Intentos que, segundo o entendimento do presidente russo, em nada beneficiariam o clima de boas relações existente, até àquela data, entre os dois países.
Como medida de retaliação, contra-ameaçou com o bloqueio total às nossas exportações de rolhas de cortiça, muito utilizadas na produção local de álcool etílico, nomeadamente na rolhadura de garrafas de vinho a foice e martelo ou outro qualquer produto vinícola em que não entrem uvas na sua composição, o que vem a dar ao mesmo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D