Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


ADULTÉRIO: DOIS CENÁRIOS VEROSÍMEIS

por João Castro e Brito, em 08.07.15

adultério.jpg

NAQUELE DIA (I)
Estava de regresso a casa após uma ausência prolongada em viagens de negócios.
Ia ser, certamente, uma agradável surpresa para a esposa, mais a mais não sabendo que ele vinha a caminho, cheio de saudades e uma vontade inabalável de a tomar nos seus braços.
À medida que o táxi diminuía a distância entre o aeroporto e o doce lar, aumentava o seu entusiasmo e expectativa:
«Meu Deus! – pensou – Como eu desejo abraçá-la!
Ela vai ficar admiradíssima e radiante. Vai ser lindo...uma chegada de surpresa!»...
De repente, foi assaltado por algum receio:
«E se ela não aguenta a emoção, meu Deus?!... Com aquele coraçãozinho tão frágil!»
Assim que o táxi o largou à porta de casa, abriu-a, meio inquieto e um nadinha cauteloso, subiu as escadas pé ante pé e, quando se preparava para subir o último lance, escorregou inadvertidamente numa casca de banana, bateu com a cabeça num degrau, teve morte instantânea e faleceu logo a seguir.
Acordados pelo barulho, a esposa e o amante limitaram-se a constatar que efectivamente ele acabara de falecer após a morte. Aquele acontecimento trágico não os impediu de lhe darem um funeral condigno e gozarem até ao último cêntimo o seguro de vida contratado pelo morto falecido.
 
NAQUELE DIA (II)
Estava de regresso a casa após uma ausência prolongada em viagens de negócios.
Ia ser, certamente, uma agradável surpresa para a esposa, mais a mais não sabendo que ele vinha a caminho, cheio de saudades e uma vontade inabalável de a tomar nos seus braços.
À medida que o táxi diminuía a distância entre o aeroporto e o doce lar, aumentava o seu entusiasmo e expectativa:
«Meu Deus! – pensou – Como eu desejo abraçá-la!
Ela vai ficar admiradíssima e radiante. Vai ser lindo...uma chegada de surpresa!»...
De repente foi assaltado por uma dúvida pertinente:
«E se...?»
Assim que o táxi o largou à porta de casa, abriu-a, tenso e apressado, galgou os lances de escada de quatro em quatro feito um desvairado, transpôs o último, evitando uma casca de banana, abriu de supetão a porta do apartamento, dirigiu-se ao quarto e deparou com a cena clássica de adultério à qual a tradição judaico-cristã o havia habituado desde pequenino: a mulher colada ao amante, deitados na cama; na sua cama, enrolados no seu edredão, imagine-se! Só visto porque contado ninguém acredita!
Como o ciúme leva à loucura e geralmente ao homicídio – salvo quando leva ao suicídio – , não esteve com meias medidas: sacou a sua 6,35 e apontou-a instintivamente ao usurpador. Porém, por razões desconhecidas pela própria razão, virou-a para si e disparou pela seguinte ordem: um tiro no peito, um tiro em cada olho, um na testa e os últimos dois ligeiramente acima da nuca, estes sob consulta, pois esteve na dúvida entre disparar um na nuca e outro na barriga.
O infeliz ainda esboçou um gesto de arrependimento pelo acto tresloucado, pois não planeara tal desfecho. No entanto, era tarde demais e de qualquer maneira isto tinha de acabar em tragédia porque já passa da uma da matina e o sono aperta.
Assim, morreu imediatamente, não sem ter sofrido um bocadinho antes de falecer.
Aquele acontecimento funesto não impediu a mulher e o amante de lhe darem um funeral condigno e gozarem até ao último cêntimo o seguro de vida contratado pelo morto falecido.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D